Sejam bem-vindos ao Zayn Malik Brasil, a sua fonte sobre o cantor Zayn Malik no Brasil. Aqui você encontrará todas as novidades mais recentes sobre o cantor, desde seus projetos até campanhas, fotos ou vídeos. Fique a vontade para desfrutar de todo o nosso conteúdo e volte sempre a nos visitar!
08.09
Arquivado em: Notícias

Zayn disse que está feliz, não se preocupe

Quer seja sobre seu novo álbum ou sua saúde mental, Zayn afirma, “Meus fãs podem ficar despreocupados que tudo está sob controle”.

por Duncan Cooper

25 Questions With Zayn Malik

Semana passada eu recebi um telefonema: “Zayn quer fazer uma entrevista.” Eu estava esperando por esse momento desde a capa da The Fader em 2015, do badboy de Bradford, sua grande primeira entrevista desde que seguiu carreira solo e uma das que mais gosto. Nossa primeira entrevista foi durante o lançamento do seu álbum de estreia, Mind Of Mine, e essa com “Dusk Till Dawn” em parceria da Sia, sinalizando que as coisas finalmente estão encaixando para o seu segundo álbum.

Ainda são poucos os detalhes do Z2 – ele não me contou sobre o título ou data de lançamento, embora “uma turnê está definitivamente nos planos” dessa vez. Mas, com o Zayn, se você lê entre linhas você poderá ver os obstáculos. Ele está dormindo bem. Ele está jardinando. Ele contou uma linda história sobre traduzir as cartas para o inglês de seu avô imigrante. Boas coisas estão chegando.

Aqui está tudo que o Zayn quer que você saiba.

Quando eu soube que nós iriamos conversar novamente, eu tweetei ‘O que você gostaria de perguntar ao Zayn?’ e eu recebi 2,000 respostas. Então, teremos que fazer isso bem rápido.

Oh sh*t, sim, eu tenho tempo para isso. Não se preocupe com isso.

O que a maioria perguntou foi: Zayn está feliz? Ele está saudável? Está descansando?

Eu estou, sim. Bastante. Eu definitivamente estou. Estou indo dormir cedo. Tenho trabalhado no estúdio durante o dia, indo para cama e levantando em horários razoáveis. Alimentando-me bem. Eu tenho uma academia em casa, então comecei a treinar um pouco. Meus fãs podem ter certeza que tudo está sob controle, haha.

Quando você irá parar de fumar Zayn? Eu vejo você fumando muito.

Eu não sei. Eu não posso dar uma resposta para isso porque provavelmente seria uma mentira. Apenas direi “em breve”.

Quando conversamos na última vez, você tinha uma banda para entrar em turnê. Por que isso nunca aconteceu?

Nós fizemos algumas audições para a banda, e conseguimos montar uma, mas eu não estava entrosado. O primeiro álbum, eu não senti que era um material suficiente para fazer um show adequado. Então, eu apenas adiei até o segundo álbum, e agora posso ter o melhor dos dois. Eu acho que minha confiança melhorou, e uma turnê está definitivamente em questão. Estou ansioso para começar os ensaios.

Quando você irá vir para o Brasil?

Eu amo o Brasil. Espero que o mais breve possível.

25 Questions With Zayn Malik

Você não promoveu o último álbum por muito tempo. Por que você parou?

Sendo franco, Duncan, eu não quero fazer muitas divulgações. Eu irei fazer entrevistas sobre a música e coisas assim, que tenham haver com o que eu estiver fazendo. Mas, entrevistas públicas e ir á TV, para mim, é mais sobre um caráter social, em ser um – qual a palavra para isso, quando as pessoas estão na TV, mas não fazem nada? Estrelas de reality show? Eu não me encaixo nesse lado. Eu só quero fazer minha música. Se, as pessoas escutam sobre mim através de seus amigos, é melhor do que estar estampado na frente deles o tempo todo.

Você quase não tweeta mais, realmente. Você está se fechando, mas talvez isso seja algo bom para você?

Eu não vejo necessariamente como se eu estivesse me fechando. Eu vejo como algo que não quero fazer parte. Só quero fazer minha música.

Você não apareceu no VMAs desse ano, ao qual você ganhou. O que você estava fazendo naquela noite? 

Eu estava no estúdio, trabalhando. Estava escrevendo.

“I don’t really want to do shitloads of promotion. I don’t buy into that side of things. I just want to do my music.”

O prêmio foi para sua música com a Taylor Swift, e muitos dos meus amigos estão criticando a música nova dela. Você é alguém que pode se relacionar com a posição dela, ambos amados e criticados…

Honestamente Duncan, quando trata-se de assuntos triviais relacionados a vida pessoal ou carreira de alguém, eu não presto muita atenção. Eu não presto atenção nem no que as pessoas dizem sobre mim. Eu apenas ouço quando conheço algumas pessoas na vida real, e realmente converso com elas. E se forem legais comigo, então baseio minha relação nisso.

Em termos de relacionar-se com isso, é claro que me relaciono com as coisas escritas sobre nós o tempo todo. Mas, eu não escuto. Eu a avalio como artista, ela é legal, bem sucedida e acho que merece todo o sucesso porque ela trabalha duro. É dessa forma que vejo. Fiz uma música com ela, foi divertido e ela foi profissional. Ela sai com minha namorada, elas são boas amigas. Não tenho nada ruim para dizer sobre ela. Ela é legal.

Seu segundo álbum está finalizado?

Eu meio que finalizei esse álbum. Mas, sempre existem ideias. Todos os dias eu encontro algumas músicas e troco por outras. Por isso que a data de lançamento ainda não foi decidida. Embora o álbum esteja praticamente pronto, e eu tenho o material, ainda estou mudando as coisas aqui e ali. Não fico preso necessariamente a um trabalho, quando trabalho em uma música ela pode ser tanto atual como de um novo.

Quantas músicas você acha que já escreveu desde o primeiro álbum?

Eu não tenho um número específico. São várias, mas sei que não foram tantas quanto do primeiro álbum. Isso mostra que estou mais focado no que estou fazendo, em cada música eu digo o que quero. No outro álbum, eu estava descobrindo isso, então havia muito material.

O que você está esperando para lançar o álbum?

Espero que em breve, cara, nos próximos meses. Eu não sei. Essa é a beleza da palavra “em breve” – está aberta para interpretação. A pressão está vindo da gerência, haha, mas estou levando meu tempo com isso.

Você tem um nome definido para o álbum?

Tem um nome, e estou bastante animado com isso. Será algo estranho – eu não vou contar mais. Não é algo comum de se por no álbum, digamos.

“I have to do something that’s a bit more mainstream because my fans want to listen to some fun stuff, rather than listen to depressing songs all the time. I appreciate that.”

No primeiro álbum, você basicamente trabalhou com o Malay. Você está mais aberto para outros colaboradores agora?

No primeiro álbum, o que aconteceu comigo foi que, eu queria ficar sozinho com minhas ideias que juntei, como disse na época. Antes disso, eu lancei músicas com quatro caras por cinco anos, e eu queria fazer as coisas por conta própria. Eu foquei nas coisas que queria fazer com o Malay, e coloquei algumas coisas de compositores lá.

Eu fiz isso novamente nesse álbum, mas tentei colocar músicas mais populares também, porque obviamente meus fãs querem escutar coisas mais otimista e se sentirem bem, e não necessariamente coisas provocativas ou profundas como minhas merdas, haha. Eu tive que fazer algo mais popular, porque eles gostariam de escutar algo mais divertido, ao invés de sempre músicas depressivas. Eu aprecio isso. Levei isso em consideração. Estou tentando fazer algo mais animado para eles. Tenho algumas novidades no álbum.

A música que foi lançada com a Sia é incrível. Como isso surgiu?

Eu não estive em um estúdio com a Sia – Eu já finalizei a maior parte das músicas, e minha gerência tocou durante um encontro com ela. Ela realmente gostou, então basicamente disse, “Posso fazer algo nela”, ela fez isso separadamente, porém, eu gostaria de trabalhar com ela no estúdio. Ela gostou de cara e foi o mais direta possível. Eu acho ela muito legal. Ela não levou muito tempo, ela já sabia o que estava fazendo.

Eu sei que você trabalhou com o Timbaland também. Como foi?

Ele é muito bom. Eu o conheci, ele veio ao estúdio algumas vez, e fizemos algo legal juntos. A música é foda. Surgiu de uma nota de voz que eu tinha no meu celular e que mandei para ele. Ele ficou tipo, “Ok, deixe-me fazer algo com isso”. Nós extraímos a nota de voz e fizemos uma música a partir disso. Ele é muito bom. Ele é hip-hop, cara. Suas batidas são sempre batidas Timbaland, isso definitivamente estava como uma carta no bolso.

Você toca algum instrumento no álbum?

Eu toquei um pouco ali e aqui. Eu toquei alguns acordes na guitarra, algumas teclas, piano, algum sintetizador, algumas merdas de computador, quando nós fingimos que somos músicos e pressionamos botões no teclado, haha. Eu fiz um pouco disso. Eu tentei.

O que aconteceu com “Dragonfly”, a música heavy metal que você gravou?

Ainda está aqui. Eu não o coloquei nesse álbum também. Então, continua guardada. Mas, tem algumas coisas que são como a evolução desse tipo de música, e eles estão nesse álbum. Você precisa pesar as músicas: Essa é melhor que aquela? Ah, sim, ela é, tenho que colocá-la.

Você toca as músicas para sua família? Sua mãe tem alguma música favorita nesse novo álbum?

Sim, ela tem. Ela ama “Dusk Till Dawn.” Ela viu o vídeo e gostou. Eu toco algumas coisas para minhas irmãs o tempo todo, e elas me dizem, “Isso é bom,” ou, “Eu não acho que você precisa ser tão depressivo nessa música,” haha. É sempre bom conferir com pessoas que podem ser honestas com você.

Sua propensão com a depressão ressoa com suas fãs, ainda mais, quando você fala sobre sua ansiedade.

Eu sei. Sinto que é por isso que estão sempre checando, “Ele está bem? Ele está feliz”, sim, estou feliz. Há certas horas que nós gostamos de nos inspirarmos criativamente de nossos momentos obscuros, na música, mas isso não é necessariamente como me sinto 24 horas por dia. Estou bem. Estou relaxado.

“There’s certain times that we like to take creative source from deep moments where I look for music, but that’s not necessarily how I’m feeling 24 hours a day.”

Eu gostei de ver sua atuação em “Dusk Till Dawn”. Tirou sua personalidade reservada de uma forma atraente.

Isso foi divertido para mim. Eu mostrei para minha mãe e ela disse, “Ah, você parece bem confiante, e é muito bom ver você dessa forma.” Eu me virei e disse para ela, “Bom, eu estou interpretando um personagem, não sou eu.” É fácil ser confiante quando você está interpretando um cara que é foda e faz coisas loucas. Eu irei te dizer agora, se esse fosse eu de verdade com um policial tão perto de mim, eu estaria tipo, “Yo, eu não faço merda! Eu não preciso que você fique tão perto de mim.” Obviamente, que para o drama, foi divertido fazer isso, e eu gostaria de fazer mais isso.

Você fará mais super produções em vídeos como esse?

Eu tenho uma ideia em minha cabeça, e eu irei fazer mais do que fiz no último álbum ‘apenas porque sinto que está mais fácil, um pouco mais. Eu estou mais relaxado no momento. Eu estou tipo, ‘Certo, legal, vamos fazer isso, que seja.’ Estou dentro. Eu quero que minhas fãs entendam que obviamente estou apreciando tudo, e que sou grato por seu apoio, então que mostrar mais meu rosto, caso contrário, eles vão pensar que não me importo, e eu me importo. Eu tenho que mostrar meu rosto. Eu curto a atuação, então terá mais disso nos vídeos.

Você ainda é um grande leitor?

Eu sou. Eu lia muito quando era criança. Eu não sei se já disse isso, mas meu avô costumava pedir para eu ler suas cartas. Ele é da primeira geração do Paquistão. Ele nasceu na India, antes da India e o Paquistão serem divididos. Ele veio para cá [Reino Unido], e ele não falava muito inglês, então eu costumava ler suas cartas para ele, quando eu tinha, três ou quatro anos. Então, eu desenvolvi uma verdadeira vontade de ler as coisas o tempo todo. Eu lia livros constantemente quando era criança.

Você viu o eclipse?

Eu vi. Eu não vi muito bem – estava um pouco nublado onde eu estava.

Eu quero saber, você está plantando em seu jardim? Você já trabalhou na terra?

Eu estou, como você sabe disso? Eu venho jardinando bastante. Eu tenho plantas de pepino, tomate, cebola, todo o tipo de coisas loucas crescendo. Eu acabei de ir á uma loja local de jardinagem, e comprei alguns pacotes de semente, li as instruções e tentei em casa.

Eu tenho um grande jardim com minha esposa, com todas essas árvores frutíferas.

Isso é bem legal. Nós temos algumas árvores também – limoeiros, macieiras e videiras.

Uma pergunta de fã foi: O que o novo álbum diz sobre você que nós ainda não sabemos?

Eu não sei. Eu escuto diferentes tipos de música, não apenas R&B, e eu aprecio isso. Eu curto fazer todos os tipos diferentes de música. Eu tenho tocado diferentes coisas. Eu gosto muito da música garage de Uk, e isso me influenciou assim como, o R&B americano. Craig David e coisas assim,e eu definitivamente estava fazendo referencia a eles.Nós teremos mais músicas como a com o PARTYNEXTDOOR, ele é legal. Mas, não tem nada como uma fofoca ou algo que irá mudar o mundo, haha. Isso não sou eu.

Eu poderia continuar inventando questões para você o dia todo, mas eu sinto que você está em um bom lugar com esse álbum e eu estou feliz de escutar isso. Então, vou deixar você ir comer algum peixe e batatas.

Hahaha, eu irei. Obrigado, cara. Eu irei te enviar alguns bolinhos.

Fonte: The Fader

Tradução e Adaptação por: Equipe Zayn Brasil
5/5

Você pode gostar de ler também

Deixe seu comentário



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



O Zayn Malik Brasil é um site feito de fãs para fãs e tem como objetivo principal compartilhar as notícias mais recentes sobre o cantor, Zayn Malok. Nós não temos qualquer contato com o cantor, seus familiares ou agentes. Qualquer artigo, vídeo ou imagem postado nesse site possui os direitos autorais dos seus respectivos proprietários originais, assim como todos os nossos conteúdos produzidos, editados, traduzidos e legendados devem ser creditados sempre que reproduzidos em outro site. É proíbida a cópia total ou parcial deste site assim como deste layout. Obrigada por sua visita!




Twitter
zaynnewsbra
Facebook
zaynnewsbra